Blog

A arte já nasceu livre!

*Texto publicado originalmente no blog Barasa Plutônica em 2017 O meu primeiro contato com o ocorrido no MAM (Museu de Arte Moderna) sobre a interação da criança com o corpo nu de um homem foi por meio de uma matéria no portal goiano O Popular. Li, e no mesmo momento me lembrei de Marina Abramović, … Continue lendo A arte já nasceu livre!

Nelson, não sou mais a mesma!

*Uma reflexão sobre uma crônica escrita em 2015 Continuo te admirando, sendo grata por um momento da minha vida em que sua escrita me deu muita coragem. Cheguei a me considerar mulher rodriguiana, veja só você! Alguém apenas guiada pelas próprias emoções, alguém guiada apenas por impulsos. Alguém até um bocado masoquista. Mas não sou … Continue lendo Nelson, não sou mais a mesma!

EU NUNCA VOU ME ADAPTAR

*Texto originalmente publicado em 2016, no Barasa Plutônica Na contramão sigo porque é o melhor caminho. Por que preciso pensar como querem que eu pense? Por que preciso me render ao que o gênero ao qual pertenço dita sobre o meu comportamento? Por que preciso me render a um gênero? Por que preciso me inspirar … Continue lendo EU NUNCA VOU ME ADAPTAR

Claridade

*Texto originalmente publicado no blog Barasa Plutônica em 2018 Os espelhos me perguntam: Quem é você? As letras me pedem: escreva como você escreve. Meus sonhos me pedem mais energia e crença. Minha vida pede para que eu não tenha medo de morrer. Minha respiração me pede mais inspiração e olhos fechados. Minha cor mais … Continue lendo Claridade

Carregando…

Ocorreu um erro. Atualize a página e/ou tente novamente.

Assine o blog

Receba novos conteúdos na sua caixa de entrada