Não se comporte como um ‘saco de batatas’

Quem você é? Você está apenas ocupando espaço no planeta ou está aqui por alguma razão? Quais são os seus sonhos, projetos, como enxerga o mundo? O que você é? O que eu sou? Sejamos o que for, só não podemos ser um saco de batatas nesse mundo. Não sei exatamente quando foi que ouvi... Continuar Lendo →

Quando perdi para o Uruguai

Me deparei com esse texto nos meus arquivos. Cheguei a deletá-lo do meu outro blog porque achei que fosse 'incompatível' com quem eu estava me tornando, tempos depois de viver essa experiência. Mas retorno cada palavra ao incerto mar da virtualidade. Toda paixão merece um suspiro. **** A sensação de quando algo se perde é... Continuar Lendo →

E daí que o mundo tá todo virado?

Tá tudo muito errado por aí. Os dias tem sido cada vez mais sombrios. A mentira tem resistido com tamanha força. Os sonhos de milhares tem virado pó. Muitas pessoas cansaram de esperar. Tá tudo louco, errado, incerto e cada vez mais difícil. Quantas lágrimas será que caem por segundo no mundo? Quantas vezes por... Continuar Lendo →

Desculpe o transtorno, mas estou em obras

Prometi a Deus, que seria quem sou, que não mais me mutilaria, que não esconderia mais a minha essência e nem a diluiria mais. Prometi que recuperarei a minha integridade como humana. Que não mais sofreria por não conseguir me enxergar ou por não me segurar nos momentos mais devastadores. Talvez possa soar como uma... Continuar Lendo →

O que você ainda não sabe sobre quem sou

As portas se fecharam e você jamais voltará a ver meus olhos. Estou falando sobre o momento em que permito que parte da minha alma acene pelas piscadelas. Você não sabe absolutamente nada sobre quem sou. Não que eu saiba totalmente, e isso parece aqueles conglomerados de palavras que não levam a muitas águas. Mas... Continuar Lendo →

Não fuja do relacionamento com você

Quanto tempo você consegue passar na sua presença? Você precisa sempre interromper um momento de quietude consigo para fazer qualquer coisa que não permita o 'barulho' em sua mente? Eu já fiz isso por muito tempo, me incomodava qualquer momento em que eu precisasse ficar a sós comigo mesma. Eu ligava para uma amiga, marcava... Continuar Lendo →

Admita a sua limitação

Sou sozinha, mas não estou sozinha - isso eu afirmo hoje depois de definitivamente admitir que por mim mesma, que com a minha própria 'ajuda' não conseguiria me livrar de muitas bagagens. Comecei a ajuntar esses pesos desde a infância e fui amontoando sobre as costas uma série de cargas, que só hoje entendo que... Continuar Lendo →

Aqueça a alma

O mundo aí fora não vai te levantar, as pessoas por aí não vão enxergar a sua dor, as suas falhas e os seus cacos. Não espere que as pessoas lutem por sonhos que são teus. Não ache que aquilo que move a tua alma vai mover o mundo. Não vai. O exercício da existência... Continuar Lendo →

À divindade chamada Arte

Finalmente despertei. Me perguntava "será que eu quero o teatro?", mas entendo que não sou eu, mortal e podre que se autoriza ou não, quem me questiona é a arte: "será que eu quero essa alma?". Será que essa divindade, tão poderosa e viva me deseja como serva? Será que a arte pura deseja lapidar... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: